Gaucho Negro!

Gaucho Negro!
O Cavaleiro das Trevas da Vida Real!

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Pesquisando Sobre o Fantasma da Dynamite vi estas artes que mostram dois "Espíritos-que-andam". Um negro e uma mulher branca. Estou curioso para saber como chegou a haver dois Fantasmas. Alguém dos leitores do blog sabem? Dá uma luz aí nos comentários...





16/09/2016 Falece Gedeone Malagola











Faleceu nesta segunda-feira o veterano dos quadrinhos nacionais Gedeone Malagola. A informação veio do amigo Manoel Souza, editor da revista Mundo dos Super-Heróis.

Malagola, aos 84 anos de idade, já vinha passando por vários problemas de saúde. Passou as últimas semanas hospitalizado, combatendo uma infecção da qual padecia há muitos anos, e sofreu três paradas cardíacas durante a internação.

Gedeone Malagola foi um dos pioneiros e mais prolíficos autores nacionais, com mais de 1500 histórias publicadas. Nasceu em São Paulo, no dia 7 de julho de 1924. Aprendeu as primeiras noções de desenho com o pai, que era pintor. Formou-se em direito, mas decidiu seguir a carreira de quadrinista, na década de 40.

Trabalhou para publicações como A Marmita e O Governador e em seguida passou a publicar quadrinhos, para editoras como a Júpiter (da qual foi um dos fundadores), Novo Mundo, Vida Juvenil, La Selva, Continental, Outubro, GEP,Edições Paulinas e várias outras, além de fundar revistas como Congo King, Tambu, Jane West, Professor Pingüim,Capitão Wings, Capitão Astral e Aventuras do Sertão.

Também ilustrou histórias da Marvel e DC para editoras nacionais como a GEP. Na época, as aventuras de personagens como X-Men, Thor e Mulher-Maravilha tinham originalmente 20 páginas. Com autorização do exterior, artistas nacionais eram contratados para produzir histórias curtas, e as revistas brasileiras eram lançadas com as tradicionais 32 páginas.

Trabalhou como roteirista na revista do Capitão 7, um dos super-heróis nacionais mais bem-sucedidos do país, nos anos 60 e 70. Criou inúmeros personagens, como Raio Negro, Homem-Lua e Hydroman e, no gênero do terror, destacou-se escrevendo histórias para revistas como Drácula, A Múmia, Frankenstein e Clássicos do Terror, publicadas pela Outubro.

Um de seus mais recentes trabalhos é O Lobisomem, em parceria com Sérgio Lima e Nico Rosso, publicado no formato de álbum de luxo pela Opera Graphica, em 2002.

Em memória ao amigo e colaborador, Manoel Souza disponibilizou no site da Editora Europa a revista Mundo dos Super-Heróis #5 para leitura online. A edição traz uma matéria de cinco páginas sobre Gedeone Malagola. Clique aqui para ler(da página 70 em diante).















Por: Andréa Pereira








Raio Negro




Gedeone e Lee Falk, criador do Fantasma







O artista





O Homem-Lua





Tags : Gedeone Malagola, Manoel Souza, Mundo dos Super-Heróis, A Marmita, O Governador, Júpiter, Novo Mundo, Vida Juvenil, La Selva, Continental, Outubro, GEP, Edições Paulinas, Congo King, Tambu, Jane West, Professor Pingüim, Capitão Wings, Capitão Astral, Aventuras do Sertão, Marvel, DC, X-Men, Thor, Mulher-Maravilha, Capitão 7, Raio Negro, Homem-Lua, Hydroman, Drácula, A Múmia, Frankenstein, Clássicos do Terror, O Lobisomem, Sérgio Lima, Nico Rosso, Opera Graphica, Editora Europa


Fonte: http://hqmaniacs.uol.com.br/Falece_Gedeone_Malagola_17364.html



Por que o Guerreiro Civil deveria passar dos games para as HQs









Você não conhece o Guerreiro Civil? Foi um personagem criado exclusivamente para o game Marvel Torneio de Campeões para celebrar o 75º Aniversário do Capitão América.

Neste artigo vamos mostrar quais os motivos porque o Guerreiro Civil deveria passar dos games para as HQs. E não se preocupe, se não conhece o personagem vai ficar conhecendo um pouco melhor!
Ele é um ícone vivo



Toda a simbologia em volta deste personagem o tornam realmente especial. O Guerreiro Civil (Civil Warrior em inglês) é basicamente a personificação de um dos eventos mais importantes do multiverso Marvel, a Guerra Civil, misturando um pouco a identidade dos dois personagens principais desse arco, o Capitão América e o Homem de Ferro.
Basicamente ele é um Steve Rogers mais cruel



Gabriel Frizzera, o criador do personagem, afirmou que o Guerreiro Civil é uma espécie de versão alternativa do Steve Rogers, caso tivesse matado o seu amigo Tony Stark no decorrer da Guerra Civil. Isso faria dele um cara mais cruel e amargurado. O quão legal é isso?
Descubra tudo que você precisa saber sobre a HQ da Guerra Civil da Marvel
Quem não gosta de um super Capitão América?



Nessa realidade paralela, no final da Guerra Civil, Steve se deslocaria ao laboratório completamente destruído de Tony. E para homenagear o seu amigo (que ele próprio tinha matado), o Capitão América decide adicionar alguns componentes eletrônicos ao seu uniforme.

Entre os destroços do laboratório, Steve encontra um escudo feito deVibranium. O artefato é parecido com o seu, mas com um pequeno detalhe: um canhão ARC, capaz de disparar poderosas explosões de energia.
A combinação perfeita entre ataque e defesa



Existem super-heróis muito bons no ataque e outros muitos bons na defesa, mas são raros aqueles que são bons nas duas coisas. O Guerreiro Civil tem todo o poder de ataque do Capitão América e a poderosa armadura doHomem de Ferro, que lhe permite ter uma maior segurança através de uma camada extra de proteção.

Além disso a sua arma é o exemplo perfeito dessa combinação: uma arma tradicionalmente de defesa, mas modificada para ser capaz de fazer poderosos ataques!
Sua identidade é um mistério



Mesmo que supostamente ele seja uma versão alternativa de Steve Rogers, o seu rosto nunca foi revelado. O que guarda muitas surpresas. Todos sabemos que em universos paralelos tudo é possível... Imagine que nesta realidade alternativa foi o pai do Tony Stark que se tornou o Capitão América? Tudo é possível!
Guerra Civil: confira as 16 diferenças entre o filme e a HQ!

Até ao momento só podemos encontrar este fantástico personagem no game Marvel Torneio de Campeões, mas vamos esperar que a Marvel faça a jogada acertada e dedique uma HQ ao poderoso Guerreiro Civil!

Fonte: https://www.aficionados.com.br/guerreiro-civil-marvel/

Doutor Estranho ganha trailer com cenas inéditas e menção aos Vingadores



Filme estreia em novembro
27/09/2016 - 17:16 - CAMILA SOUSA




Doutor Estranho ganhou um novo trailer de 1 minuto, com várias cenas inéditas. Na prévia, Wong explica para Strange que os Vingadores protegem o mundo de ameaças físicas e os magos são a frente contra ameaças místicas:


Veja também um novo cartaz para IMAX:
A trajetória do Doutor Estranho nos quadrinhos e no cinema
Vídeo revela o que Thor ficou fazendo durante a Guerra Civil

7 de 183






















O elenco de Doutor Estranho tem ainda Benedict Cumberbatch, Chiwetel Ejiofor, Tilda Swinton, Benedict Wong e Michael Stuhlbarg. Scott Adkins e Amy Landecker devem atuar em papéis secundários. Scott Derrickson é o diretor.

Doutor Estranho chegará aos cinemas em 3 de novembro de 2016.

Leia mais sobre Doutor Estranho


Fonte: Omelete

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Inova HQ News - 2


Está batido o martelo. Essa semana começa a ser escrito o capitulo 2 de Esquadrão Progresso - Quando a Paz se torna uma Lembrança. O Roteiro dessa sequencia será de Daniele Bugs, Tatuadora e artista realista que já teve trabalhos publicados aqui no blog. Será sua primeira experiência com roteiro, mas a bela e talentosa artista encara esse desafio com ousadia. Em Breve.



Mais do que nunca Ela está chegando. Com roteiro de Ceroni Cunha, arte de Leandro Meneses e Cores de Dodge JS, Ela vem preencher uma lacuna de algo que não existe hoje nas hqs. Quem espera um tradicional quadrinho de super heróis com porradaria e muito sangue vai se surpreender. Ela é diferente de tudo isso.




E JL Torres segue trabalhando nos concepts de Crise Infinita nas Guerras Ocultas, a saga que redefinirá o Ovoverso como conhecemos. Bem clichesão mesmo, zoando todas as mega sagas da Marvel e DC Comics. 


Esquadrão Progresso - Provável Capa da sequencia que envolve Capitão Feijoada e Astronorte


Arte e cores de Mr. Jordan


Rotina de Herói - Cão Menor